domingo, 20 de outubro de 2019


Qui, 31 de Janeiro de 2013 10:49

Cena recorrente: três ônibus são incendiados em menos de 3 horas em Santa Catarina


Três ônibus e uma viatura da Coordenadoria de Trânsito (Codetran) foram incendiados em Santa Catarina entre a noite de quarta-feira (30) e a madrugada desta quinta-feira (31). De acordo com a Polícia Militar, a primeira ocorrência foi em Balneário Camboriú, no Vale do Itajaí, por volta das 23h20. E as outras aconteceram por volta das 2h em Gaspar e Itajaí.

Em Balneário Camboriú, dois homens renderam o motorista do ônibus, que estava no ponto final e o levaram para uma construção próxima ao local onde o veículo estava estacionado. "Eles estavam mascarados e armados. Jogaram um coquetel molotov com uma garrafa de cerveja e fugiram, mas moradores conseguiram controlar as chamas, não houve muita perda material", conta o comandante Ricardo Sartori.

Segundo Sartori, os suspeitos fugiram para Itapema e a polícia trocou tiros com os dois. Um deles foi baleado, mas conseguiu escapar e até as 7h desta quinta ainda estava foragido. O outro foi capturado e levado à delegacia de Itapema.

Quase três horas depois, por volta das 2h desta quinta, um ônibus foi completamente destruído em Gaspar, no Vale do Itajaí. Segundo a PM, não havia ninguém no veículo, que estava estacionado no bairro Bela Vista. Cerca de meia hora depois houve outra tentativa de incêndio no bairro Figueira, mas o motorista, que estava em casa, viu as chamas e conseguiu apagá-las.

Também por volta das 2h, uma viatura da Coordenadoria de Trânsito foi incendiada em Itajaí. De acordo com a PM, homens que estavam em um Gol branco jogaram uma garrafa pet com combustível e fogo na viatura. Um homem que estava no local conseguiu controlar o fogo, que atingiu a parte dianteira do veículo. O atentado ocorreu na rua Blumenau, no bairro São João. Guarnições da PM fizeram buscas aos suspeitos, mas ninguém foi localizado.

Em novembro de 2012, Santa Catarina registrou ataques a 27 ônibus, bases da Polícia Militar e Polícia Civil e veículos particulares em 16 cidades. Pelo menos 58 ataques foram registrados. De acordo com a Polícia Militar, ainda é cedo para saber se as três ocorrências estão relacionadas, mas não se descarta a hipótese. "Também não sabemos se está relacionado com os atentados de novembro, mas a polícia está em alerta e será investigado", afirma Sartori.

Na noite de quarta-feira (30), por volta das 23h30, um bar também sofreu a tentativa de incêndio, em Itajaí. De acordo com o relato do proprietário aos bombeiros, dois homens jogaram duas garrafas com gasolina e fogo dentro do seu bar, mas na mesma hora ele apagou as chamas. A PM fez buscas pela cidade, mas os autores ainda não haviam sido capturados no início desta manhã.




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box