segunda, 18 de fevereiro de 2019


Qui, 22 de Agosto de 2013 19:19

Mantega é um otimista incorrigível!...


O governo já admite que a economia brasileira vai crescer menos que o esperado. Em entrevista ao G1, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou nesta quinta-feira (22), que a previsão para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2013 e 2014 será revisada para baixo.

“O governo vai trabalhar no orçamento de 2014 e no relatório que vamos ter no mês que vem com a revisão do PIB para 2013. A revisão será para 2,5%”, disse ele. A última previsão oficial, divulgada em julho no orçamento de 2013, apontava para uma alta de 3% no PIB deste ano. Em dezembro de 2012, também em entrevista exclusiva ao G1, Mantega afirmara que a previsão era de alta de 4% no PIB deste ano.

Com relação a 2014, o ministro diz que a previsão “era 4,5%, vai passar para 4%”.

Câmbio
Falando sobre a alta do dólar – que na quarta-feira atingiu R$ 2,45, a maior cotação desde dezembro de 2008 – Mantega afirmou que é passageira.

“Essa excesssiva [alta ] é passageira. Para onde vai, nós não sabenos. Mas acho que depois da turbulência do Fed, ela volta para patamares menores”, disse, destacando que, para o governo, não é bom um dólar num patamar elevado.

Segundo Mantega, a alta do câmbio é um "movimento transitório", cuja causa já foi identificada.
"É um movimento dos títulos americanos e das ações do Banco Central americano. E elas vão refluir em algum momento". "O importante é que nosso câmbio é flutuante, e que flutua em todas as direções", afirmou.




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box