Sex, 27 de Maio de 2016 10:36

Estudantes decidirão se desocupam escolas de Maringá no domingo


 

Representantes do movimento estudantil marcaram uma assembleia para domingo (29) para definir se vão desocupar três colégios estaduais de Maringá, no norte do Paraná. Nesta quinta-feira (26), representantes da Secretaria do Estado da Educação (Seed), Núcleo Regional de Educação e deputados estaduais conversaram com estudantes para chegar a um acordo.

A reunião discutiu uma saída para a desocupação de três colégios, no total 2.500 alunos estão sem aulas. Entre os pedidos dos alunos vários acabaram sendo atendidos. Foi garantido aos estudantes a participação no conselho da merenda. Ficou prometido que problemas com o fornecimento da merenda e as obras nas escolas ganharam serão resolvidos.

“A partir de segunda-feira [30] as escolas já começam a ser abastecidas com parte de alimentos provenientes da agricultura familiar, como carne, ovos, como já estavam recebendo”, explica o Superintendente de Desenvolvimento em Educação da Seed, Paulo David Choinski.

No entanto, os pedidos só serão atendidos se houver a desocupação. “Eu não posso voltar para Curitiba com essa situação. Nós queremos que a escola seja liberada já na segunda-feira”, diz o deputado estadual Hussein Bakri (PSD).

“Eles ficaram com o posicionamento deles, e nós ficamos com o nosso. Acabou que não teve nada de concreto”, disse o presidente da União Paranaense de Estudantes Secundaristas (Upes), Matheus dos Santos.

O primeiro colégio a ser ocupado foi o Gerardo Braga, e o manifesto dura mais de uma semana. Um pedido de reintegração de posse foi feito dando um prazo de 24 horas para a saída dos estudantes, mas os alunos dizem que ainda não foram notificados. Os manifestantes decidirão se fazem a desocupação até domingo.

“Nós vamos reunir a operativa da ocupação e reavaliar sobre tudo o que aconteceu na reunião. Talvez vamos propor uma data ou acatar a proposta ou ainda retirar a nossa proposta e consolidar essas ações”, informou o vice-presidente da Upes, Marcelo Miranda.




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box