quinta, 17 de outubro de 2019


Seg, 20 de Junho de 2016 12:55

Celular contra os maus políticos


As eleições municipais de 2016 vão trazer uma novidade que pode mudar significavamente a relação dos brasileiros com a política. Uma série de novos aplicativos desenvolvidos pela Justiça Eleitoral vão transformar os telefones celulares inteligentes – os chamados “smartphones” – em uma arma na mão dos eleitores contra os maus políticos. Ao todo, serão lançados onze novos aplicativos para dispositivos móveis – smarphones e tablets – que poderão ser utilizados, por exemplo, para denunciar irregularidades na campanha, como candidatos que estejam fazendo propaganda ilegal. Outros poderão ser usados para conhecer detalhes sobre os concorrentes a prefeito e vereador, consulta a locais de votação, processos eleitorais ou acompanhamento da apuração. Todos podem ser obtidos na página do Tribunal Superior Eleitoral (www.tse.jus.br).

Um desses aplicativos chamado “Pardal” foi criado originalmente no Espírito Santo, onde já vem vem sendo utilizado desde 2012, e em 2014 em outros estados. Para este ano, o App vai ser ampliado pelo Tribunal Superior Eleitoral para que tenha abrangência nacional. Por meio da ferramenta, os eleitores poderão notificar irregularidades nas campanhas. “Um cidadão comum tendo em sua frente um outdoor, ele tira uma foto e o App com facilidade e rapidez envia as evidencias para a Justiça Eleitoral Regional, que fará todo o trâmite de análise da denúncia. Permite ainda que o cidadão comum fiscalize e moralize a utilização das campanhas de forma muito eficiente e democrática em benefício de todo o processo eleitoral”, explicou o secretário de Tecnologia da Informação do TSE, Giuseppe Janino. (Do portal Bem Paraná)




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box