domingo, 8 de dezembro de 2019


Ter, 02 de Agosto de 2016 13:27

Sete deputados são candidatos a prefeito, mas todos trabalharão menos por isso


Assembleia Legislativa e Câmara Municipal de Curitiba retomaram ontem as votações preocupados com o impacto que as eleições para prefeito e vereador vão causar nos trabalhos das duas casas. Na Assembleia, sete deputados são candidatos a prefeito, sendo quatro na Capital – Maria Victória (PP), Ney Leprevost (PSD), Requião Filho (PMDB) e Tadeu Veneri (PT). Na Câmara, 34 dos 38 vereadores vão buscar a reeleição em outubro. Mesmo assim, as direções dos dois legislativos garantem que não haverá prejuízo para as votações no período de campanha.

Apesar dessa garantia, o presidente da Assembleia, deputado Ademar Traiano (PSDB), admitiu que as sessões das quartas-feiras podem ser antecipadas para o período da manhã, para liberar os parlamentares mais cedo para a disputa eleitoral. “Vou procurar de segunda a quarta-feira termos sessões normais. Talvez pela manhã na quarta-feira até para permitir aos deputados que possam ir para o interior”, confirmou Traiano.
O tucano admitiu ainda que deve ficar para depois da eleição a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2017, que foi suspensa no mês passado em razão do impasse na discussão sobre o reajuste salarial dos servidores públicos estaduais previsto para janeiro próximo.




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box