terça, 17 de setembro de 2019


Dom, 21 de Maio de 2017 11:39

FOZ: Empresas do transporte coletivo cobram R$ 40 milhões da prefeitura


As oitivas na Comissão Parlamentar de Inquérito da Câmara foram marcadas pelas reclamações de empresários do transporte coletivo e representantes do Consórcio Sorriso. Nos depoimentos um fato que chamou a atenção é que as empresas do consórcio estão cobrando aproximadamente R$ 40 milhões da prefeitura como ressarcimento por perdas financeiras na execução do contrato e compensação pela gratuidade de passagem aos idosos com a redução da idade de 65 para 60 anos. O empresário Arlindo Alamini, por exemplo, expôs que diariamente são entre duas mil a 2,5 mil passagens gratuitas. “Quem paga por isso? Alguém tem que pagar porque os prefeitos nunca aplicam a passagem técnica, apurada nas planilhas de custos. Sempre estabelecem a tarifa política – abaixo do valor. Uma hora essas empresas vão quebrar porque é como você dar um desconto de 25%”.




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box