Qui, 14 de Setembro de 2017 13:22

Deputado Rubens Bueno vai relator projeto que limita “supersalários”


O deputado federal paranaense Rubens Bueno (PPS) foi escolhido na terça-feira para ser o relator da comissão especial da Câmara que analisará o projeto que impõe limite aos salários acima do teto constitucional nos três Poderes. O chamado “Projeto Extrateto” visa impedir que adicionais incorporados ao salário – os chamados ‘penduricalhos’ – elevem a remuneração acima do valor que é pago a um ministro do Supremo Tribunal Federal (STF).

Bueno disse que o objetivo da comissão não é perseguir qualquer categoria de servidor público e sim regulamentar a aplicação do teto previsto na Constituição. “O que pretendemos barrar são abusos e privilégios que não condizem com a realidade do país”, disse.

Nas últimas semanas vários casos de supersalários foram revelados, principalmente no Judiciário. Há situações, como no Mato Grosso, em que um juiz recebeu mais de R$ 500 mil em um mês. E o Tribunal de Justiça do Estado pagou, no mês de julho, vencimentos superiores a R$ 100 mil a 84 juízes e desembargadores. Em São Paulo, mais de 700 juízes e desembargadores receberam líquido, em junho, salário superior a maior remuneração entre os ministros do STF. Já o Tribunal de Justiça de Minas Gerais pagou, no mês de julho, valores líquidos acima do teto constitucional para quase 98% dos magistrados.




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box