quarta, 21 de fevereiro de 2018


Seg, 22 de Janeiro de 2018 11:07

Djokovic sofre, luta até o fim, mas cai diante de sul-coreano na Austrália

O sul-coreano em ação O sul-coreano em ação

Maior campeão da história do Aberto da Austrália, o sérvio Novak Djokovic está eliminado da competição. Nesta segunda-feira, o atual número 14 do ranking mundial perdeu para o sul-coreano Hyeon Chung por 3 a 0, parciais de 7/6 (7-4), 7/5 e 7/6 (7-4), em duelo válido pelas oitavas de final. Durante toda a partida, o sérvio sofreu com dores no cotovelo, pedindo inclusive, um atendimento médico. Mas, o que se viu foi um Chung, de 21 anos, em noite inspiradíssima, sendo muito regular, e não perdendo a cabeça nem nos momentos em que Djokovic esboçava uma reação.

Foram mais de três horas de partida e o ex-número 1 do mundo demonstrava não estar confortável fisicamente desde o início. O sul-coreano abriu 4 a 0, e Djokovic parecia desanimado, sem vibração alguma. Aos poucos, o sérvio entrou no jogo, mas Chung não deixou o nível cair em nenhum momento. O rival nas quartas de final é o também surpreendente Tennys Sendgreen, número 97 do ranking.

O sul-coreano, aliás, se tornou o primeiro tenista de seu país a ir até as quartas de final de um Grand Slam na história. Já Djokovic disputou na Austrália seu primeiro torneio desde julho do ano passado, quando foi eliminado de Wimbledon, e, contundido, ficou o segundo semestre de 2017 ausente. (GloboEsporte)




Twitter - Políticos

Michel Temer


Beto Richa


Rafael Greca


Álvaro Dias


Gleisi Hoffman


Roberto Requião

S5 Box