domingo, 18 de fevereiro de 2018


Ter, 30 de Janeiro de 2018 17:26

Meta do BNDES é liberar R$ 90 bilhões em 2018, diz presidente


O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Paulo Rabello de Castro, disse nesta terça-feira (30) que a meta para 2018 é atingir R$ 90 bilhões em desembolsos, o que, para ele, seria um “avanço extraordinário", além de uma "meta desafiadora".

Além de marcar o terceiro recuo anual seguido, o montante ficou abaixo da meta de R$ 77 bilhões.

Em novembro, Castro já havia reconhecido que a marca não seria batida. “Nós até comemoramos porque, suando, chegou nos R$ 70 bilhões”, disse a jornalistas nesta segunda.

Castro ressaltou que, apesar da queda dos desembolsos no ano passado, já é possível notar uma tendência de recuperação, assim como no volume de consultas.

Empréstimo cresce para empresas menores

Na direção contrária do resultado total de 2017, as micro, pequenas e médias empresas receberam um volume maior de recursos liberados pelo BNDES. O aumento foi de 9% no ano, batendo a marca de R$ 29,7 bilhões.

O valor representa 42% do total de desembolsos, o que significa um recorde histórico na participação de empresas pequenas e médias no volume total de empréstimos do banco de fomento.

Entre os setores beneficiados, o da indústria foi o que registrou a maior queda de desembolsos. O recuo foi de 50% , para R$ 15 bilhões (o que representa 21% do total liberado pelo banco).




Twitter - Políticos

Michel Temer


Beto Richa


Rafael Greca


Álvaro Dias


Gleisi Hoffman


Roberto Requião

S5 Box