terça, 16 de outubro de 2018


Dom, 10 de Junho de 2018 23:19

Famosa pelo turismo de eventos, Curitiba vê alta no turismo de lazer

Parque Tanguá, um dos atrativos da Capital mais visitados pelos turistas (Foto: Franklin de Freitas) Parque Tanguá, um dos atrativos da Capital mais visitados pelos turistas (Foto: Franklin de Freitas)


Conhecida pela sua vocação em turismo de negócio e eventos de negócios (tanto que é a terceira cidade brasileira com maior procura de estrangeiros para negócios ou eventos, segundo o Ministério do Turismo), Curitiba tem mudado seu perfil turístico ao longo dos últimos anos. Prova disso é que o turismo de lazer é o que mais tem crescido na Capital, de acordo com  o Curitiba Convention & Visitors Bureau (CCVB).

Adonai Aires de Arruda Filho, presidente do CCVB, destaca que a última pesquisa feita sobre o assunto, em 2016, apontava que 42% do mercado turístico na Capital já era relacionado ao turismo de lazer. Desde então, segundo ele, a importância do segmento só tem feito crescer.

“Curitiba sempre foi taxada como uma cidade de negócios, então é algo que surpreendeu (saber que 42% do turismo na cidade era de lazer). É um número alto de turistas que vem exclusivamente a passeio para a cidade”, afirma Adonai. “E desde então, com certeza, esse segmento continua crescendo mais que o de negócios. Este ano está melhor que o ano passado, inclusive”, complementa.

Com relação ao setor como um todo, o presidente do CCVB aponta uma melhora no geral. “O que sentimos é que as agências têm crescido, as operadoras, o movimento na cidade. O que ainda enfrentamos é algumas reclamações por parte da hotelaria, em parte por conta da grande oferta, das diversas alternativas.”

De fato, segundo o Instituto Municipal de Turismo, meios de hospedagem é o que não falta em Curitiba. Ao todo, são 158 estabelecimentos, com um total de 10.986 unidades e 18.929 leitos. Os hotéis respondem pela maioria dos estabelecimentos (123), seguido pelos apart-hotéis/flats (18) e os hostels (17).

“Curitiba é uma cidade atrativa em função dos preços, da quantidade e variedade de atrativos. É uma cidade muito bem estruturada em várias situações de entretenimento, tem atrativos naturais, nosso entorno é muito rico. Então, vem retomando numa velocidade maior, até porque temos facilidade logística do maior centro do Brasil, que é São Paulo. Estamos bem otimistas”, finaliza Adonai.

Feriados, grandes shows e até a estação ajudam a impulsionar o setor na Capital
Se para o comércio varejista a grande incidência de feriados (no total, contando os dias de feriados com sábados e domingos, serão 36 dias de folga ao longo de 2018) é visto como algo prejudicial, para o setor turístico essas datas são encaradas como fundamentais para fomentar o movimento de turistas na cidade. Para se ter noção, um só feriado é capaz de fazer aumentar em 50% o faturamento com turismo.
“Os feriados tem uma importância muito grande, principalmente o Carnaval, a Páscoa e o mês de dezembro. Como Curitiba é a Capital do Natal, vem muito turista para a cidade no último mês do ano. E também tem os grandes eventos. Hoje, Curitiba voltou a ser centro dos grandes shows, o que também atrai pessoas de outras cidades, chama a indústria hoteleira, gastronomia”, aponta o presidente do CCVB, Adonai Aires de Arruda Filho.
Inverno
Além destas datas, no ano passado o Ministério do Turismo colocou Curitiba entre as dez cidades com melhores atrativos de inverno. “Percebemos a chegada de muitos turistas do Nordeste nessa época”, diz Adonai. “Escutamos com frequência as pessoas comentarem que aqui elas podem usar aquela bota que não sai do armário ou aquele casaco que foi comprado na Argentina”, brinca.
Mais que o frio, a estrutura da cidade atrai os turistas que querem sentir um pouco do clima de inverno. Curitiba é bem servida de polos gastonômicos, hoteis e ainda tem atrações da estação, como o Festival de Inverno. Contribui também o fato da estação ser a menos chuvosa durante o ano. (Por Rodolfo Luis Kowalsk/Portal Bem Paraná)




Twitter - Políticos

Michel Temer


Beto Richa


Rafael Greca


Álvaro Dias


Gleisi Hoffman


Roberto Requião

S5 Box