Sex, 14 de Setembro de 2018 11:43

Joel Malucelli se entrega; de foragido passa a preso...


A manhã começou movimentada na sede do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), no bairro Ahú, em Curitiba. Presos na última terça-feira (11 de setembro), o ex-governador Beto Richa e sua esposa, Fernanda, chegaram ao local por volta das 8h30 para prestar depoimento.

Logo em seguida, por volta das 9 horas, foi vez do empresário Joel Malucelli, sogro de João Arruda e primo do candidato a vice-governador de Cida Borghetti, Coronel Malucelli, entregar-se às autoridades.

Ontem, outros dois membros da família Richa já prestaram depoimento ao Gaeco: Pepe Richa, irmão de Beto, e André Richa, um dos três filhos do ex-governador e candidato ao Senado.

Já Joel Malucelli, que chegou a ser considerado foragido, entregou-se às autoridades após retornar de viagem à Itália e agora ficará preso, cumprindo o mandado de prisão expedido pelo juiz Fernando Fischer, da 13ª Vara Criminal de Curitiba. Após chegar à sede do Gaeco, ele foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) para realizar exames de praxe para o ingresso no sistema carcerário. Ele ficará preso no Complexo Médico Penal de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba.

Voltar ao Topo