sexta, 16 de novembro de 2018


Sáb, 03 de Novembro de 2018 15:51

Horário de verão no Paraná deve reduzir pico do consumo em 4,5%

O horário de verão deve reduzir o pico de consumo em cerca de 4,5% no estado, de acordo com a Companhia Paranaense de Energia (Copel).

Os relógios devem ser adiantados em uma hora na virada deste sábado (3) para domingo (4).

Essa edição do horário de verão brasileiro é a 44ª. O objetivo da medida é diminuir a demanda por energia no sistema elétrico durante o horário de pico – que vai das 18h às 21h.

O ajuste vale para as regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste (São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal) e irá vigorar até o terceiro domingo de fevereiro de 2019 (dia 17).

Horário encurtado

Neste ano, o horário de verão foi encurtado. Até o ano passado, o horário de verão se iniciava no terceiro domingo do mês de outubro.

Em dezembro de 2017, o presidente Michel Temer assinou decreto que encurtou o período de duração do horário de verão, atendendo a pedido do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para que o início do horário de verão não ocorresse entre o primeiro e o segundo turno da eleição.

O Palácio do Planalto chegou a informar no início do mês que, a pedido do Ministério da Educação, a entrada em vigor do horário seria adiada para dia 18 de novembro, a fim de não prejudicar provas do Enem, mas acabou decidindo manter a data de 4 de novembro.




Twitter - Políticos

Michel Temer


Beto Richa


Rafael Greca


Álvaro Dias


Gleisi Hoffman


Roberto Requião

S5 Box