Qui, 13 de Dezembro de 2018 10:43

“Atletas do conhecimento” de Cascavel conquistam medalhas em Olimpíadas


Alunos do Colégio Marista são premiados em concursos de Matemática, Astronomia e Astronáutica

Longe de campos ou pistas de atletismo, alunos cascavelenses se destacam em competições que avaliam o desempenho com números, cálculos e raciocínio. Em 2018, estudantes do Colégio Marista somaram sete medalhas na 21ª OBA, a Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica, além de uma medalha de bronze no Nível 1 da OPRM 2018, a Olimpíada Paranaense de Matemática.


Na quarta-feira (28), uma cerimônia no colégio marcou a entrega das medalhas. O aluno Luis Felipe Gilnek da Silva (8º B) conquistou a medalha de ouro na OBA. Além dele, outros quatro estudantes conseguiram medalhas de prata: Rhiad Pasqual Achkar (7ºA), Bruno Hideki Hanyuda Lazaroto (7º C), João Vitor da Silva (8º B) e Vitor Augusto Franck (9º B). Já Hugo Angelo Lazzarin Cecato (7º B) e João Gabriel Ribeiro Kopf (3ºA) conquistaram medalhas de bronze.

A coordenadora do Ensino Médio do Colégio Marista de Cascavel, Luciana Faria, destacou a participação dos alunos na OBA. “A Olimpíada colabora diretamente com o rendimento escolar e o interesse em conquistar medalhas está ligado também a almejar uma formação fora do Brasil. O objetivo do Colégio é apresentar essas boas oportunidades, dando todo o respaldo para que os estudantes participem”, explicou Luciana.

A OBA é um evento aberto à participação de escolas públicas e privadas, urbanas ou rurais, para alunos do primeiro ano do Ensino Fundamental até o último ano do Ensino Médio. A Olimpíada ocorre dentro da própria escola, com fase única, em um mesmo ano letivo. A participação dos alunos é voluntária.

OPRM
O estudante Hugo Angelo Lazzarim Cecato conquistou o 27º lugar na Olimpíada Paranaense de Matemática (OPRM) e foi premiado em Curitiba na quinta-feira (29), com a medalha de bronze. Além dele, Vitor Augusto Franck, do Marista de Cascavel, foi agraciado com uma menção honrosa na competição.

A OPRM foi realizada em duas fases e faz parte das competições regionais da Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM) e do Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA). Alunos de escolas públicas e privadas, do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e Ensino Médio do Paraná, participaram da competição gratuitamente.

Somando a medalha de bronze da OPRM e a medalha de prata na OBA, Hugo conta que já sonhava com um bom resultado nas competições. “Eu gosto muito de participar dessas Olimpíadas de conhecimento, acho que são enriquecedoras. A coordenadora de ensino me deu toda ajuda que precisei para conseguir os resultados que queria”.

A coordenadora do Ensino Fundamental Anos Finais, Cleiris Wichoski, foi professora de Matemática dos dois alunos premiados. Para ela, o desempenho nas competições é reflexo da dedicação em sala. “Tanto Hugo quanto Vitor têm características em comum: são comprometidos com o aprendizado. Eles se dedicaram e foram recompensados”.

Para ela, há uma receita para o bom rendimento dos alunos em competições. “É preciso mostrar que há um panorama instigante nesse universo dos cálculos. Isso estimula a curiosidade dos alunos”.

Rede Marista de Colégios

A Rede Marista de Colégios (RMC) está presente no Distrito Federal, Goiás, Paraná, Santa Catarina e São Paulo com 19 unidades. Nelas, os mais de 26 mil alunos recebem formação integral, composta pela tradição dos valores Maristas e pela excelência acadêmica alinhada ao mercado. Por meio de propostas pedagógicas diferenciadas, crianças e jovens desenvolvem conhecimento, pensamento crítico, autonomia e se tornam mais preparados para viver em uma sociedade em constante transformação. Saiba mais em www.colegiosmaristas.com.br.





Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box