Sex, 11 de Janeiro de 2019 12:05

Cida reafirma que deixou Estado em perfeitas condições financeiras e fiscais

Após o anúncio do secretário de Fazenda, Renê de Oliveira Garcia Junior, de uma força-tarefa para apurar incongruências nas contas do estado e a declaração de que o governo Ratinho Junior (PSD) “está no escuro”, por não ter informação precisa das finanças, a assessoria da ex-governadora Cida Borghetti (PP) emitiu comunicado reafirmando que “o Estado do Paraná possui uma das melhores situações econômicas e fiscais do país”.

A equipe da ex-governadora admitiu que os problemas no SIAF, o Sistema de Controle Financeiro do Estado existem e já foram objeto de várias ações da Secretaria da Fazenda,  designando servidores para comissões processantes ( em julho, outubro e novembro), inclusive com a aplicação de multas contratuais à empresa. “As providências cabíveis foram tomadas e a transição foi informada da situação atual do Sistema e de todas as providências já adotadas”, afirma.

A assessoria da ex-governadora reafirma que deixou mais de R$ 5 bilhões em contas bancárias do Estado. Valores que asseguram o pagamento de todos os compromissos assumidos em seu Governo. “O Orçamento do Estado de 2019 está livre para execução pelo atual governo”.

A assessoria de Cida reforça ainda que as dificuldades do Siaf, no entanto, que não impediram a execução de uma gestão realizadora com obras em todas as regiões, assinatura de convênios com a União, repasses de recursos para prefeituras, prestação de contas e a manutenção das certidões em dia.

“O novo governo assume o Estado com todas as certidões em dia e com suas finanças contabilizadas, inclusive com a devida prestação de contas aos Órgãos de Controle, em especial à Assembleia Legislativa, ao Tribunal de Contas e à Secretaria do Tesouro Nacional”, segue o texto, que diz que a assessoria de Cida diz que espera que os problemas no Siaf sejam resolvidos no próximo governo, pois será o melhor sistema de finanças públicas do Brasil quando concluído.

Voltar ao Topo