Sáb, 06 de Abril de 2019 19:10

Venezuela é palco de novos protestos a favor e contra regime de Maduro


Nicolás Maduro, presidente da Venezuela, e Juan Guaidó, líder da oposição e presidente autoproclamado, convocaram manifestações nas redes sociais

Grupos favoráveis e contrários a Nicolás Maduro convocaram manifestações na Venezuela em mais um dia de protestos. As mobilizações acontecem em meio à crise energética que se agrava no país, com frequentes apagões e problemas no abastecimento de água.

A crise teve início no dia 7 de março, quando começou a sequência de blecautes que paralisou boa parte da Venezuela durante pelo menos 11 dias.

Em Caracas, os opositores marcharam em direção ao prédio da Corporación Eléctrica (Corpoelec), a estatal de energia elétrica do país, enquanto os apoiadores de Maduro se reuniram em frente ao Palácio de Miraflores, sede da presidência.

"A luz é vital, mas não viemos exigir apenas isso. Exigimos a democracia", disse o líder do parlamento venezuelano Juan Guaidó em Caracas. Ele também convocou uma nova manifestação para quarta-feira (10).

Na sexta-feira (5), Maduro anunciou que 20 dos 23 estados do país serão alvo de um racionamento de energia durante 30 dias. O fornecimento de eletricidade será interrompido por até 21 horas por semana.




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box