domingo, 18 de agosto de 2019


Sex, 24 de Maio de 2019 18:27

Para Oriovisto, morosidade da Câmara Federal atrapalha o país


O senador paranaense, Oriovisto Guimarães, manifestou em plenário do Senado Federal, preocupação com as movimentações populares marcadas para o próximo domingo, por entender que os senadores também serão criticados pela população pela morosidade com que as coisas estão acontecendo no país. Para o senador, todo o protagonismo está na Câmara dos Deputados. “A postura do presidente do Senado, hoje, de enfrentar a morosidade da Câmara é fundamental. Não podemos ser a Casa carimbadora, temos que ser a Casa revisora, temos de ter a iniciativa no processo legislativo”, disse, ao elogiar a posição do presidente do Senado, Davi Alcolumbre que também vem reagindo contra as ações tomadas pela direção da Câmara.

Para o senador paranaense, o Senado Federal está sendo alijado de todos os processos pela Câmara Federal e os senadores estão sem voz. Os processos não andam na Câmara Federal e “nós, senadores, não participamos de nada, nem do processo da reforma da Previdência, nem das medidas do Executivo e o que está acontecendo é um desrespeito do presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia, que trava todos os processos de interesse da Nação e já aprovados no Senado”, disse.

Oriovisto Guimarães disse ainda que “não pode concordar que um deputado federal, eleito com 74 mil votos (no caso Rodrigo Maia, eleito pelo estado do Rio de Janeiro) venha a comandar a República e desrespeitar 81 senadores que foram eleitos com milhões de votos; três milhões no meu caso, cinco e até 10 milhões de votos. Portanto, merecemos respeito”, disse. (Paraná Portal)




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box