domingo, 17 de novembro de 2019


Qui, 25 de Julho de 2019 13:20

Contratações no setor de serviços compensam demissões na indústria e emprego fica estável no Paraná em junho


As contratações de trabalhadores para o setor de serviços compensaram as demissões na indústria e fez com que o emprego ficasse estável no Paraná no mês de junho, de acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, divulgados nesta quinta-feira (25).

De acordo com os dados do Caged, o estado teve saldo positivo de 158 vagas de trabalho ao longo do mês, uma alta de 0,01%. Em maio, por exemplo, foram geradas 1,4 mil vagas no Paraná.

No Brasil, foram criadas 48 mil vagas de trabalho, o que representa um crescimento de 0,13%.

Segundo as informações do Caged, o setor de serviços teve um saldo positivo de 2 mil vagas de trabalho ao longo do mês, com maior concentração de criação de empregos nas áreas de prestação de serviços técnicos em móveis e imóveis e serviços médicos e veterinários.

Em compensação, as indústrias paranaenses fecharam 1,4 mil vagas no período. A maioria dos desligamentos aconteceu nas indústrias madeireiras e metalúrgicas do estado.

O emprego no comércio também teve 1,1 mil vagas de emprego fechadas no mês. (G1/PR)




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box