quinta, 12 de dezembro de 2019


Qui, 19 de Setembro de 2019 22:34

Chuva aumenta vazão e muda cenário nas Cataratas do Iguaçu; assista ao vídeo

Volume aumentou de 714 mil litros por segundo, na segunda-feira (16), para 1,3 milhão de litros por segundo, na tarde desta quinta-feira (19).

A chuva que atinge o Paraná desde a tarde de quarta-feira (18) aumentou a vazão das Cataratas do Iguaçu, no oeste do Paraná, para 1,3 milhão de litros por segundo por volta das 14h desta quinta-feira (19).

O volume já é considerado quase dentro da normalidade, quando a média é de 1,5 milhão de litros por segundo, segundo o Parque Nacional do Iguaçu.

Na segunda-feira (16), a vazão chegou a ficar pela metade, com cerca de 714 mil litros por segundo, por causa do tempo seco.

A chuva que aumentou a vazão foi registrada nas nascentes e afluentes do Rio Iguaçu, nas regiões leste e sul do estado. O rio nasce na região de Curitiba, atravessa o estado, e deságua em Foz do Iguaçu, nas Cataratas.

Estragos do temporal

Apesar de mudar o cenário das Cataratas, a chuva também causou prejuízos para pelo menos 12 mil moradores em 21 cidades do Paraná.

Mais de 3,2 mil residências foram danificadas, e uma ficou totalmente destruída. Entre as principais ocorrências atendidas, estão alagamentos e destelhamentos causados pelo granizo. Duas pessoas ficaram feridas, segundo os agentes da defesa.

Segundo o boletim, Carambeí, na região dos Campos Gerais, foi o município mais prejudicado, com 4,5 mil pessoas atingidas. Mil e quinhentas casas foram danificadas na cidade. (G1/PR)




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box