quinta, 27 de fevereiro de 2020


Ter, 08 de Janeiro de 2013 00:00

Richa autoriza construção de casas para mais de 1,6 mil famílias


O governador Beto Richa assinou nesta segunda-feira (07/10) contratos para a construção de 1.627 unidades habitacionais em Ponta Grossa, região dos Campos Gerais. O investimento total é de R$ 140 milhões, por meio do Morar Bem Paraná – programa que prevê a construção de moradias para 110 mil famílias paranaenses nos próximos quatro anos. 
Richa destacou que o novo investimento é um dos maiores já anunciados no Estado, representanto 10% de tudo que foi construído entre 2003 e 2010 no Paraná. Segundo o governador, o governo estadual já aplicou R$ 1,5 bilhão em habitação nos últimos dois anos. 
“Estamos promovendo uma revolução habitacional no Estado jamais vista na sua história, com a contratação em apenas dois anos de cerca de 45 mil unidades”, disse o governador. “A meta é atender 110 mil famílias até final de 2014”, afirmou. 
A construção das novas unidades em Ponta Grossa será feita em quatro empreendimentos. O Residencial Costa Rica 1, terá 387 unidades; o Residencial Costa Rica 2, 386 unidades; o Residencial Costa Rica 3, 354 unidades; e Residencial América, 500 unidades. 
Richa afirmou que a região dos Campos Gerais tem 288 empreendimentos, totalizando aproximadamente 18 mil unidades, entre obras em andamento, concluídas e projetos. Em dois anos, foram entregues aproximadamente 800 unidades na região, com investimento de aproximadamente R$ 770 milhões. 
“Sabemos que a habitação é umas das prioridades da gestão e o reflexo do comprometimento do governo são novos projetos em estudo para ampliarmos o número de casas a serem construídas no Estado”, explicou o presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Mounir Chaowiche. 
PARCERIA - As moradias serão construídas com recursos provenientes do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), do programa Minha Casa Minha Vida, com subvenção econômica do Estado, e contrapartida da prefeitura municipal. “É uma parceria com diálogo, planejamento e interesse social, que atende a população paranaense que mais necessita”, disse Richa. 
O programa Morar Bem Paraná atende famílias com renda mensal de até R$ 1,6 mil. De acordo com o prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel, a prefeitura fará o recadastramento das famílias que serão contempladas. “A prefeitura analisará quais famílias de fato necessitam da moradia, assim realizando o sonho da casa própria”, afirmou. A prefeitura ainda participa da iniciativa com a aprovação dos projetos e acompanhamento do trabalho técnico social. 
No Residencial América, o governo estadual concede subvenção financeira de R$ 3 mil por unidade. Nas moradias Costa Rica 1, 2 e 3, o governo concede subvenção financeira de R$ 3 mil por unidade, mais serviços básicos de água e energia elétrica, por meio da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) e da Companhia Paranaense de Energia (Copel). 
O superintendente regional da Caixa Econômica Federal, Luís Henrique Borgo, ressaltou a importância do trabalho em conjunto das administrações municipal, estadual e federal, na melhoria da qualidade de vida da população.




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box