sexta, 28 de fevereiro de 2020


Qua, 09 de Janeiro de 2013 21:40

Petista que forjou o próprio já está livre...


2ª Vara Criminal de Ponta Grossa concedeu na tarde desta quarta-feira (9) o pedido de liberdade definitiva à vereadora de Ponta Grossa Ana Maria Branco de Holleben (PT), acusada de forjar o próprio sequestro. A informação foi confirmada por Fernando Madureira, um dos advogados que está cuidando do caso.

O requerimento para que a Justiça reconsiderasse a decisão judicial que mantinha Ana Maria em prisão preventiva no quartel do Corpo de Bombeiro foi emitido pelo advogado na última segunda-feira (7).

Ana Maria teria saído do quartel por volta das 16 horas, mas uma informação extraoficial emitida posteriormente revelou que quem havia deixado o local naquele horário não era a vereadora – a pessoa estava coberta e, por isso, ninguém a identificou. A saída oficial dela da prisão foi por volta das 17 horas.

Segundo o advogado, depois de deixar a prisão, ela deveria seguir diretamente para uma clínica de reabilitação (de local não informado), onde vai permanecer pelos próximos 20 dias para tratar um quadro de depressão grave. Somente depois do fim do tratamento é que a vereadora vai prestar depoimento oficial à Polícia Civil e à Câmara Municipal de Ponta Grossa.

A reportagem da Gazeta do Povo acompanhou, no entanto, a saída da pestista do quartel, de onde ela seguiu para a casa de um primo, no bairro Ronda. Depois disso, não houve mais informações do paradeiro dela.




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box